Direitos Humanos

Diretamente atingidos

Daniel e Juliano são cortadores de cana em Barra Longa e, desde o rompimento da Barragem, perderam o lugar de onde tiravam a renda. Hoje, eles lidam com as dívidas e lutam para serem reconhecidos pela Renova/Samarco, Vale e BHP.

3 Compartilhamentos

Indenizar a nossa história

“Qual é o valor do rio que eu perdi, a casa onde nasci e fui criado? Qual o preço da mandioca que minhas terras pararam de produzir?” Em mais uma das fases do processo de reparação, os(as) atingidos(as) de Mariana se mobilizam para a construção de sua Matriz de Danos.

3 Compartilhamentos

Ser atingida não foi uma opção

Com quase 98 anos, dona Geralda não teve sequer o direito de ser reconhecida como deveria. Não tem suporte para o pagamento do aluguel, recebeu o cartão reparação quase um ano após a tragédia, e ainda teve negada, pela Renova/Samarco, parte da indenização pelos danos

9 Compartilhamentos

“Não dá para confiar na Samarco”

Enquanto as águas turvas do Dique S4 ferem os olhos e os sentimentos de Bento, à portas fechadas a Samarco oferece cerca de R$ 6,00 por metro quadrado a quem cuidou a vida inteira de suas próprias terras.

21 Compartilhamentos

O que é ser um atingido?

Reunimos fragmentos que dizem sobre o significado do termo atingido, que vem sendo construído no curso de dois longos anos.

1 Compartilhamentos

Dois anos de lama, dois anos de luta

Diante dos desafios que se anunciam, é preciso unificar a organização, elaborar com clareza a pauta de reivindicações, ampliar alianças e diálogo com a sociedade e fazer a luta social com coragem e esperança

1 Compartilhamentos
CADASTRE-SE NA NEWSLETTER

Send this to a friend