A morte do Arco-íris

Por Sérgio Papagaio

O arco-íris de Barra Longa não é mais multicores. Foi atingido pela lama, deixou de ser bacana. Perdeu cor e brilho. O sol quem diria, sobre ele não faz mais efeito, perdeu toda a magia que ao espectro de cores exercia. Ele, que se alimentava das águas do Rio Carmo, coitado! Agora, está contaminado por metais pesados. Seu amarelo, cor de ouro, ficou marrom; o verde e o vermelho também no mesmo tom. Não tem mais o azul cor de anil deste céu do Brasil.

Sobre o arco-íris, apenas uma cor caiu. O laranja e o violeta também sumiram. Veja só que tentação, satanás sujou o arco-íris com o barro lá de Fundão. Sem alegria, sem graça … sem emoção, morre então, o arco-íris de Barra Longa, por contaminação.

COMENTE

Ainda não há comentários

Os comentários estão fechados

CADASTRE-SE NA NEWSLETTER

Send this to a friend