Recomendações para conter o avanço do Covid-19

[vc_row][vc_column][vc_column_text]Diante do cenário de pandemia do novo coronavírus (Covid-19), o Ministério Público do Estado de Minas Gerais, por intermédio da 1ª Promotoria de Justiça da Comarca de Mariana, tem adotado medidas, internas e externas, para minimizar os impactos e controlar os riscos de transmissão. 

Em razão da preocupação com a saúde dos membros, servidores, estagiários e demais profissionais que atuam na unidade, o Ministério Público, por ora, interrompeu os atendimentos presenciais, a fim de evitar aglomerações. Da mesma forma, durante o período de isolamento, as atividades presenciais do projeto Diálogos Comunitários/MPMG, em Mariana, ficarão suspensas.

As recomendações de restrição do convívio social serão mantidas pelas unidades do Ministério Público em todo o Estado até o dia 13 de abril, quando o cenário será novamente analisado. 

Até lá, a 1ª Promotoria de Justiça de Mariana e o projeto Diálogos Comunitários continuarão trabalhando para atendimento de demandas urgentes, notadamente relacionadas à saúde, aos idosos e às pessoas em situação de vulnerabilidade. Os prazos e as demandas relacionados ao rompimento da barragem de Fundão também continuam sendo observados pela equipe, em regime de trabalho remoto.

Ressalta-se ainda que o Ministério Público expediu, no dia 27 de março, recomendação para que os promotores de Justiça de todo o Estado, quando necessário, orientem as forças de segurança locais e estaduais para que acompanhem manifestações e eventos ocorridos durante o período em que vigorar o estado de calamidade pública estabelecido pelo Decreto nº. 47.891.

O documento expedido cita, ainda, a deliberação do Comitê Extraordinário Covid-19, que veda a realização de eventos e reuniões de qualquer natureza. Por esse motivo, as reuniões relacionadas ao rompimento da barragem de Fundão serão retomadas somente após o fim das restrições de convívio social.

Dúvidas e demandas urgentes podem ser encaminhadas por e-mail, no endereço: comunicacao@dialogoscomunitarios.org.br.[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]